PARA ALÉM DA ETERNIDADE

 
Hoje vim procurar a solidão
Num lugar profundo do meu ser
Onde a tua presença é mais real
Aos olhos da minha saudade infinda…
E tu vieste para me ver
Como dantes, como sempre, total,
De abraço feito e riso aberto!
Sei que adivinhavas minha vinda
E as notas de fundo da canção
De outros tantos teus aniversários.
 
Hoje não temos bolo, não há velas
Nem aquele especial doce coberto
De chocolate quente, o teu quindim…
Para quê? Requintes desnecessários!
Também não trago as prendas belas
Que abrias com os olhos da tua emoção
Num tempo que me parece tão perto
E tão longo nesta ausência de ti…!
 
Hoje, as nossas taças vou encher
De vinho-luz inventado no clarão
Da eternidade que te roubou de mim
E que podemos, os dois, erguer
Num abraço cúmplice e infinito
Que deixa livre este meu grito:
Estás comigo, simplesmente eterno, meu irmão!
 
 
By: Mia
 
                  Ao meu irmão, sempre!
 

2 comentários a “PARA ALÉM DA ETERNIDADE”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s