SONHO

 
Se algum dia deixares que te leve
Vamos quebrar as espumas coloridas
Na dança daquele arco-íris
Com morada atrás do mar.
Vamos desfolhar as ondas aquecidas
Ao sol, de intenso fogo breve
E beber o licor cristal de anis
Para, depois, eu te abraçar…
 
Se algum dia deixares que te leve
Vamos ao longe das estrelas esquecidas
E então sim, no silêncio desse oasis,
Beijo-te, a ver se podes ficar…
 
By: Mia

1 comentário a “SONHO”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s